BIO Curiosidades

Aranhas nos Beirados das Janelas

Lista do conteúdo

Hoje vamos falar sobre Aranhas nos Beirados das Janelas.

Esta “sujeira” embaixo dos beirados das janelas, não é bem sujeira, são aranhas. Elas vivem assim, uma pertinho da outra – quase um engarrafamento de aranhas nos beirados das janelas dos prédios da rua principal de Petrópolis.
Depois dessas fotos, não consegui mais andar sob as marquises….até dentro dos shoppings, no teto, tinham aranhas! E por azar uma ainda caiu em cima da gente…rsrs
Essas fotos foram feitas em 2007, e eu não fui mais lá depois disso (um pouco por medo, admito), então não tenho conhecimento de como estão as aranhas lá agora…tanto tempo depois.
Mas pretendo ir lá ainda este ano para conferir, e colocarei as fotos (com ou sem aranha) aqui no site, pra atualizar a informação.
Apesar do medo, e de ser uma situação não muito comum, confesso que espero ver novamente as aranhas lá, do mesmo modo… e tirar fotos melhores.

Aranha-Gigante

Nesta imagem acima já dá pra notar os inúmeros casulos, ninhos ou nichos…ou seja lá como se chamem estas bolinhas de teia que elas fazem.
Bastante territorialista, ao vencer sua opositora a Nephilengis Cruentata costuma ocupar sua teia também. As fêmeas são gigantes (perto dos machos), e podem chegar a 19 cm (o macho no máximo 4cm).
Se alimentam de insetos, mas se algum passarinho pequeno ficar preso na sua teia, pode virar o jantar.

Abaixo, detalhe da foto anterior.
teia janela

Em 15 minutos com a câmera na mão, de um lado apenas da rua principal…eu que não sou profissional (por isso a qualidade das fotos não é boa), fiz essas imagens, que são apenas uma pequena amostra do que se encontra lá.
Uma espécie que por falta de predador natural cresceu além do normal, numa cidade histórica e linda como é Petrópolis.
Mais perto um pouco…

teia janela 2

Todos os zoons que eu consegui, mostram filhotes, sempre muitos filhotes…o que indica que a situação tende a piorar.
Até parece um filme de Alfred Hitchcock.
Até hoje, os cientistas conhecem mais de 37 mil espécies de aranhas. E provavelmente muitas ainda não foram catalogadas.
Não consegui identificar esta espécie, na época.
Agora, com colaboração de um leitor, e do Instituto Butantã, sabemos que se trata da Nephilengys cruentata, uma “prima” da Nephila.
Todas as aranhas são carnívoras, mas só se alimentam de líquidos. Por isso, quando capturam uma presa, elas cospem ou injetam sucos digestivos na vítima e depois “bebem” o caldo resultante.
Embora alguns confundam, aranhas não são insetos.
Mesmo que insetos e aranhas pertençam ao mesmo filo (dos artrópodes), as aranhas pertencem a uma classe diferente da dos insetos dentro desse grupo, que é a classe dos aracnídeos. Elas são parentes de escorpiões, carrapatos e ácaros.

As aranhas distinguem-se dos insetos pelas seguintes características:

* têm quatro pares de pernas
* não possuem asas ou antenas
* seu corpo divide-se em duas partes (cefalotórax e abdômem)
* produzem uma seda ou teia.

teia janela

É impressionante a quantidade de nichos. Nem mesmo na floresta eles estão tão próximos.
O que parece é que esta espécie encontrou condições ideais de sobrevivência, sem nenhum tipo de predador a vista.
É ou não é uma verdadeira invasão das aranhas?
Esta espécie é africana, mas há tempos está sendo encontrada no Brasil, principalmente no Rio de Janeiro, São Paulo e Minas.

teia-janela-5